Sabias que...

Nesta Black Friday mais de um quarto dos portugueses realizou as suas compras online?

            Nesta quadra natalícia, como dita a tradição, o bacalhau marcou presença na mesa de muitas famílias portuguesas, mas sabes como chegou até à tua?
            É na altura do Natal que as empresas que operam no setor registam os maiores picos de venda, uma vez que, nesta época, os consumidores procuram os produtos de maior qualidade para uma noite de mesa cheia e variada.
Por ano, estima-se que os portugueses consumam cerca de 65 mil toneladas de bacalhau, o que equivale a um consumo médio, por pessoa, de 6,5kg. Só nesta quadra é vendida cerca de 30% da produção total da transformação de bacalhau a nível nacional. 
            Somos os maiores consumidores de bacalhau do mundo, daí a maior fábrica de transformação de bacalhau ser Portuguesa! Esta fábrica pertence à empresa torriense Riberalves, com infraestrutura localizada na Moita.
            Na maior parte das vezes, o bacalhau é pescado nas águas frias da Islândia, Noruega ou Rússia e chega ao nosso país em contentores reefers por via marítima, ferroviária ou rodoviária. Ao chegar à fábrica, é armazenado a temperaturas inferiores a -18ºC, para mais tarde se iniciar a sua transformação, onde será submetido a processos de escala (abertura do peixe), salga e cura, secagem, demolha e ultracongelação. A tradicional cura portuguesa de bacalhau mantém-no cativo em sal entre 6 a 8 meses, para garantir a sua qualidade e sabor tão característicos.

 

           Agora já podes contar à tua família de onde veio o tão saboroso bacalhau da consoada! 
 

           Boas Festas! 😉